15 de dezembro de 2018
                 
     
                         
Lázaro Freire, Acid0 e Lobão na MTV: Daime é droga ou religião?
Psicanálise Transdisciplinar em SP com Lázaro Freire
Seja um colaborador ativo da Voadores!
Cursos e palestras da Voadores em sua cidade
Mensagem de Wagner Borges
Mais novidades

 
  

Colunas

>> Colunistas > Lázaro Freire

Depressão bipolar: Lá em casa tem um poço, mas a água é muito limpa! (Há Tempos, Renato Russo)
Publicado em: 03 de fevereiro de 2010, 14:20:39  -  Lido 11100 vez(es)



> Perguntaram em http://formspring.me/LazaroFreire
> - "Lá em casa tem um poço, mas a água é muito limpa". É uma
> referência ao inconsciente? Fico pensando então se nesse caso a
> água não deveria ser turva.


No contexto da bipolaridade do Renato Russo, como ele coloca na música HÁ TEMPOS, não.

Mas há duas leituras possíveis. Dizem que havia um poço na casa, e o Renato, nas depressões movidas a cocaina, pensava sem se jogar lá. Mas achava que ele era imundo demais para a água límpida que havia ali, e que sua morte a turvaria.

Mas convenhamos, além do FATO, há metáforas psicanalíticas profundas nisso. Façamos uma leitura mais ANALÍTICA, sem julgarmos a "cor" da água real ou metafórica do cantor:

É uma obra que começa com "parece cocaina, mas é só tristeza", a melhor metáfora que já vi para a bipolaridade: Uma profunda tristeza gerando a máscara da mania e euforia. Ao pé da letra, podemos entender a depressão que vem da cocaina. Mas psicologicamente, ele diz muito mais. Diz que sua euforia não é a cocaina, mas a compensação de seu estado depressivo. Em outros termos, não é que a cocaina gere a euforia; ao contrário, a necessidade maníaca de compensar a depressão é que o leva à cocaina.

A música segue questionando os valores. Há tempos são os jovens que adoecem. Mas ele afirma seus valores, disciplina, compaixão, bondade. E demonstra ter dificuldade funcional em viver a partir deles. A letra é um requiém a uma vida focada em valores que ele não conseguiu administrar dentro de seu meio, afetividade, drogas, sucesso e condições. Não é coincidência ser, assumidamente, um namoro com o suicídio.

Nesse contexto, o que o levaria ao suicído "no poço" é, psicanaliticamente, a própria identificação com um poço interior. Note que não se trata de alguém tentando parecer bonzinho com uma sombra turva no interior. É justamente o contrário, alguém se desnudando em público, confessando suas fraquezas, pensando em desistir, porque não consegue administrar uas águas mais límpidas com a vida que traçou para si. Nesse sentido, a mensagem metafórica do poço é clara: Lá em casa (dentro dele), há um poço. Mas ele sabe que a água (emocional, valores) do poço é muito límpa. Por isso ele não se suicida. Não porque a água real ficará suja, mas porque ele, por mais que sofra, por mais que lhe acusem ou SE auto-acuse pela profundidade do poço de suas questões, o poeta tem ORGULHO de seus valores, da água límpida e profunda que pode lhe matar. Assim como não fazia sentido para o Renato Russo se jogar naquela cistena de água límpida do fundo do quintal, para não contaminá-la com a "sua sujeira", do mesmo modo ele desiste simbolicamente da idéia de se matar, já que ele tem orgulho de ser quem é, e inconscientemente percebe que não são seus valores que estão tão errados, mas sim a sua socialização. Daí a necessidade da euforia (cocaina) para encobrir a tristeza bipolar de existir.

Grande poeta. Grande exemplo de como a sombra psíquica pode, como dizia Jung, ser sublimada na expressão artística e poética. Registre-se que Renato Russo morreu de AIDS, uma doença que hoje não o mataria mais - e não de depressão. Ao contrário, a canalização poética da dor de sua depressão ajudou a dar oriente senso crítico para toda uma geração.

Lázaro Freire
Psicanalista Transpessoal
http://voadores.com.br/clinica


--
Lázaro Freire
lazarofreire@voadores.com.br


Deixe seu comentário

Seu nome:
Seu e-mail:
Mensagem:

 
Atenção: Sua mensagem será enviada à lista Voadores, onde após passar pela análise dos moderadores poderá ser entregue a todos os assinantes da lista além de permanecer disponível para consulta on-line.































Voltar Topo Enviar por e-mail Imprimir